SALSIFI INVESTMENTS
  

Moody´s coloca ratings da Aracruz em análise para possível elevação


29/03/2007 19:44

 


A agência de classificação de risco Moody´s colocou os ratings da Aracruz em revisão para possível melhora. De acordo com comunicado da agência, entraram em análise a nota Baa3 para classificação de risco em moeda local e a nota Aa1.br de emissor em escala nacional.

Conforme a Moody´s, a decisão de analisar as notas de risco da empresa é derivada da melhora do balanço da empresa desde o segundo trimestre de 2006, refletindo o fluxo de caixa adicional que veio da Veracel, empresa na qual a Aracruz tem 50% de participação. A ação também reflete o potencial da Aracruz de fazer dinheiro com suas áreas de plantação para reduzir seu endividamento.

O andamento da revisão dessa nota, segundo a agência, focalizará a sustentabilidade do fluxo de caixa da empresa e da implementação de seus projetos.

A agência explica ainda que o rating atual da Aracruz reflete o nível favorável de produção da companhia, e margens altas que suportam a escala de produção, bem como a auto-suficiência em energia e fibra, além de sua eficiência logística. Adicionalmente, a companhia tem um planejamento financeiro prudente e políticas de alavancagem estritas e grande capacidade de crédito mesmo em períodos menos favoráveis.



Escrito por SALSFI às 06h34
[] [envie esta mensagem]


 
  

Lucro da Aracruz cresce 65% no 4º trimestre de 2006, para R$ 292 milhões

10/01/2007 10:51

O último trimestre de 2006 significou para a Aracruz Celulose um lucro líquido de R$ 291,9 milhões, ou 65% melhor do que o apurado um ano antes, de R$ 177,2 milhões. "O ano de 2006 foi o terceiro consecutivo em que o preço da celulose em dólares superou as expectativas do mercado. Estima-se que em 2006 tenham sido consumidas cerca de 48,5 milhões de toneladas de celulose de mercado, 4% acima do ano anterior", salientou em nota.

No quarto trimestre do exercício passado, as vendas de celulose da Aracruz somaram 806 mil toneladas, com elevação de 4% ante 2005. A receita líquida correspondeu a R$ 984,5 milhões, o que significa uma alta de 9% frente ao intervalo de outubro a dezembro do calendário anterior.

A maior fabricante de celulose do país verificou também um lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) de R$ 468,7 milhões, considerado por ela como recorde e 13% maior do que o dos três meses finais do exercício antecedente. A medida inclui 50% do Ebitda da Veracel, joint venture da Aracruz Celulose e da Stora Enso, e exclui os ganhos com operações de proteção do fluxo de caixa.

Em 2006 completo, a receita líquida da Aracruz chegou a R$ 3,665 bilhões, com crescimento de 12% em relação aos 12 meses anteriores. O lucro líquido atingiu R$ 1,147 bilhão, descrito pela companhia como em linha com o resultado de 2005 (R$ 1,168 bilhão). O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização ampliou-se em 7%, para R$ 1,748 bilhão.


Escrito por SALSFI às 06h32
[] [envie esta mensagem]


 
   A valorização extraordinário da MMX

MMX adia assembléia para votar desdobramento de ações


09/01/2007 14:07


O Conselho de Administração da MMX Mineração e Metálicos cancelou hoje a Assembléia Geral Extraordinária (AGE) pela qual os acionistas votariam o desdobramento das ações da companhia. Originalmente marcada para o dia 23 de janeiro, a reunião ficou agendada para 25 de janeiro, às 9 horas, no Rio de Janeiro.

Pela proposta de desdobramento, em um primeiro momento, cada ação da MMX seria dividida em duas. Porém, estão agendados outros dois desdobramentos, sendo um em julho de 2007 - também na proporção de uma para duas ações - e outro em outubro de 2007, em que os papéis seriam desdobrados em dez.

Segundo fontes do mercado, as ações da MMX não serão afetadas no curto prazo pelo anúncio do desdobramento. Entretanto, no longo prazo as ações poderão ser beneficiadas pelo aumento da liquidez, justamente em razão do preço unitário mais baixo.

Caso seja aprovada a operação, os acionistas da companhia com posição em 26 de janeiro terão seus papéis desdobrados. Às 13h56, a ação ordinária da MMX era negociada a R$ 930,00 no pregão da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), com baixa de 1,06%.



Escrito por SALSFI às 06h14
[] [envie esta mensagem]


 
  

MMX é autorizada a construir terminal portuário no Amapá

15/01/2007 17:14

A MMX Mineração e Metálicos informou hoje que obteve autorização da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ) para a construção e exploração, por tempo indeterminado, de um terminal portuário localizado no município de Santana, no Amapá.

O terminal de Santana integra um sistema que compreende uma mina de minério de ferro, em fase de implementação, e a Estrada de Ferro do Amapá, que já está em operação. O sistema contará também com uma usina de ferro gusa e semi-acabados.

Em julho de 2006, a MMX abriu seu capital na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), em uma operação pela qual a empresa captou R$ 1,03 bilhão. Na ocasião, o empresário Eike Batista, dono da companhia, afirmou que a companhia está se preparando para ser a quarta maior mineradora do mundo.


(Valor Online)



Escrito por SALSFI às 06h10
[] [envie esta mensagem]


 
   Mineroduto da MMX

MMX anuncia audiências para construção de mineroduto entre Minas e Rio


26/03/2007 19:38

A MMX Mineração e Metálicos anunciou hoje que o Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama) estabeleceu o cronograma para realização das audiências públicas e vistorias das áreas relativas à construção do mineroduto de 500 quilômetros que a empresa pretende construir entre Minas Gerais e Rio de Janeiro.

A companhia informou que fez estudos de impacto ambiental nos 32 municípios envolvidos no empreendimento, porém apenas três exigiram as audiências, que devem terminar no dia 20 de abril deste ano.

A expectativa da companhia é de que a obra esteja concluída em 2011 e que custe cerca de US$ 2,5 bilhões. Com o projeto, a MMX pretende exportar 26,5 milhões de toneladas de minério de ferro por ano.



Escrito por SALSFI às 06h06
[] [envie esta mensagem]


 
  [ ver mensagens anteriores ]  
 
 
HISTÓRICO
 11/09/2016 a 17/09/2016
 06/09/2015 a 12/09/2015
 18/01/2015 a 24/01/2015
 09/11/2014 a 15/11/2014
 26/10/2014 a 01/11/2014
 15/06/2014 a 21/06/2014
 06/04/2014 a 12/04/2014
 02/02/2014 a 08/02/2014
 13/10/2013 a 19/10/2013
 12/05/2013 a 18/05/2013
 21/04/2013 a 27/04/2013
 10/03/2013 a 16/03/2013
 10/02/2013 a 16/02/2013
 25/11/2012 a 01/12/2012
 29/07/2012 a 04/08/2012
 22/07/2012 a 28/07/2012
 08/04/2012 a 14/04/2012
 29/01/2012 a 04/02/2012
 11/09/2011 a 17/09/2011
 04/09/2011 a 10/09/2011
 28/08/2011 a 03/09/2011
 24/07/2011 a 30/07/2011
 10/07/2011 a 16/07/2011
 03/07/2011 a 09/07/2011
 29/05/2011 a 04/06/2011
 08/05/2011 a 14/05/2011
 17/04/2011 a 23/04/2011
 03/04/2011 a 09/04/2011
 27/03/2011 a 02/04/2011
 13/03/2011 a 19/03/2011
 06/03/2011 a 12/03/2011
 20/02/2011 a 26/02/2011
 06/02/2011 a 12/02/2011
 19/12/2010 a 25/12/2010
 05/12/2010 a 11/12/2010
 31/10/2010 a 06/11/2010
 12/09/2010 a 18/09/2010
 22/08/2010 a 28/08/2010
 01/08/2010 a 07/08/2010
 04/07/2010 a 10/07/2010
 27/06/2010 a 03/07/2010
 09/05/2010 a 15/05/2010
 02/05/2010 a 08/05/2010
 18/04/2010 a 24/04/2010
 11/04/2010 a 17/04/2010
 04/04/2010 a 10/04/2010
 28/03/2010 a 03/04/2010
 21/03/2010 a 27/03/2010
 14/03/2010 a 20/03/2010
 31/01/2010 a 06/02/2010
 24/01/2010 a 30/01/2010
 22/11/2009 a 28/11/2009
 25/10/2009 a 31/10/2009
 11/10/2009 a 17/10/2009
 06/09/2009 a 12/09/2009
 30/08/2009 a 05/09/2009
 23/08/2009 a 29/08/2009
 16/08/2009 a 22/08/2009
 02/08/2009 a 08/08/2009
 26/07/2009 a 01/08/2009
 07/06/2009 a 13/06/2009
 24/05/2009 a 30/05/2009
 10/05/2009 a 16/05/2009
 03/05/2009 a 09/05/2009
 19/04/2009 a 25/04/2009
 22/03/2009 a 28/03/2009
 15/03/2009 a 21/03/2009
 08/03/2009 a 14/03/2009
 01/03/2009 a 07/03/2009
 22/02/2009 a 28/02/2009
 01/02/2009 a 07/02/2009
 18/01/2009 a 24/01/2009
 11/01/2009 a 17/01/2009
 28/12/2008 a 03/01/2009
 21/12/2008 a 27/12/2008
 14/12/2008 a 20/12/2008
 07/12/2008 a 13/12/2008
 16/11/2008 a 22/11/2008
 09/11/2008 a 15/11/2008
 02/11/2008 a 08/11/2008
 26/10/2008 a 01/11/2008
 19/10/2008 a 25/10/2008
 12/10/2008 a 18/10/2008
 05/10/2008 a 11/10/2008
 28/09/2008 a 04/10/2008
 21/09/2008 a 27/09/2008
 14/09/2008 a 20/09/2008
 07/09/2008 a 13/09/2008
 31/08/2008 a 06/09/2008
 24/08/2008 a 30/08/2008
 17/08/2008 a 23/08/2008
 10/08/2008 a 16/08/2008
 03/08/2008 a 09/08/2008
 20/07/2008 a 26/07/2008
 13/07/2008 a 19/07/2008
 06/07/2008 a 12/07/2008
 22/06/2008 a 28/06/2008
 15/06/2008 a 21/06/2008
 08/06/2008 a 14/06/2008
 01/06/2008 a 07/06/2008
 25/05/2008 a 31/05/2008
 20/04/2008 a 26/04/2008
 13/04/2008 a 19/04/2008
 06/04/2008 a 12/04/2008
 30/03/2008 a 05/04/2008
 23/03/2008 a 29/03/2008
 16/03/2008 a 22/03/2008
 09/03/2008 a 15/03/2008
 02/03/2008 a 08/03/2008
 24/02/2008 a 01/03/2008
 17/02/2008 a 23/02/2008
 03/02/2008 a 09/02/2008
 20/01/2008 a 26/01/2008
 13/01/2008 a 19/01/2008
 06/01/2008 a 12/01/2008
 30/12/2007 a 05/01/2008
 23/12/2007 a 29/12/2007
 09/12/2007 a 15/12/2007
 18/11/2007 a 24/11/2007
 11/11/2007 a 17/11/2007
 04/11/2007 a 10/11/2007
 28/10/2007 a 03/11/2007
 21/10/2007 a 27/10/2007
 14/10/2007 a 20/10/2007
 07/10/2007 a 13/10/2007
 19/08/2007 a 25/08/2007
 12/08/2007 a 18/08/2007
 08/07/2007 a 14/07/2007
 24/06/2007 a 30/06/2007
 10/06/2007 a 16/06/2007
 03/06/2007 a 09/06/2007
 13/05/2007 a 19/05/2007
 06/05/2007 a 12/05/2007
 01/04/2007 a 07/04/2007
 25/03/2007 a 31/03/2007
 25/02/2007 a 03/03/2007
 28/01/2007 a 03/02/2007
 31/12/2006 a 06/01/2007
 17/12/2006 a 23/12/2006
 10/12/2006 a 16/12/2006
 19/11/2006 a 25/11/2006
 12/11/2006 a 18/11/2006
 29/10/2006 a 04/11/2006
 22/10/2006 a 28/10/2006
 15/10/2006 a 21/10/2006
 08/10/2006 a 14/10/2006
 01/10/2006 a 07/10/2006
 24/09/2006 a 30/09/2006
 17/09/2006 a 23/09/2006
 10/09/2006 a 16/09/2006
 03/09/2006 a 09/09/2006
 27/08/2006 a 02/09/2006
 20/08/2006 a 26/08/2006
 13/08/2006 a 19/08/2006
 30/07/2006 a 05/08/2006
 16/07/2006 a 22/07/2006
 25/06/2006 a 01/07/2006
 18/06/2006 a 24/06/2006
 11/06/2006 a 17/06/2006
 04/06/2006 a 10/06/2006
 28/05/2006 a 03/06/2006
 14/05/2006 a 20/05/2006
 07/05/2006 a 13/05/2006
 23/04/2006 a 29/04/2006
 09/04/2006 a 15/04/2006
 02/04/2006 a 08/04/2006
 05/03/2006 a 11/03/2006
 19/02/2006 a 25/02/2006
 12/02/2006 a 18/02/2006
 29/01/2006 a 04/02/2006
 01/01/2006 a 07/01/2006
 25/12/2005 a 31/12/2005
 18/12/2005 a 24/12/2005
 11/12/2005 a 17/12/2005
 27/11/2005 a 03/12/2005
 20/11/2005 a 26/11/2005
 13/11/2005 a 19/11/2005
 06/11/2005 a 12/11/2005
 30/10/2005 a 05/11/2005
 23/10/2005 a 29/10/2005
 11/09/2005 a 17/09/2005
 04/09/2005 a 10/09/2005
 28/08/2005 a 03/09/2005
 21/08/2005 a 27/08/2005
 14/08/2005 a 20/08/2005
 07/08/2005 a 13/08/2005
 31/07/2005 a 06/08/2005
 24/07/2005 a 30/07/2005
 17/07/2005 a 23/07/2005
 10/07/2005 a 16/07/2005
 03/07/2005 a 09/07/2005
 26/06/2005 a 02/07/2005
 19/06/2005 a 25/06/2005
 29/05/2005 a 04/06/2005
 24/04/2005 a 30/04/2005
 20/03/2005 a 26/03/2005
 13/03/2005 a 19/03/2005
 06/03/2005 a 12/03/2005
 06/02/2005 a 12/02/2005
 23/01/2005 a 29/01/2005
 16/01/2005 a 22/01/2005
 19/12/2004 a 25/12/2004
 28/11/2004 a 04/12/2004
 21/11/2004 a 27/11/2004
 14/11/2004 a 20/11/2004
 07/11/2004 a 13/11/2004
 31/10/2004 a 06/11/2004
 17/10/2004 a 23/10/2004
 10/10/2004 a 16/10/2004



OUTROS SITES
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis
 ARTIGOS ECONÔMICOS
 CRÔNICAS E ARTIGOS


VOTAÇÃO
 Dê uma nota para meu blog!