SALSIFI INVESTMENTS
   TIM A VENDA

  • Telecom Italia deve anunciar detalhes sobre venda da TIM

    SÃO PAULO - A Telecom Italia adotará, nos próximos dias, uma postura cada vez mais clara para assumir que a TIM Brasil, operadora de telefonia móvel, está à venda. Até agora, o grupo italiano vem send ...



  • Escrito por SALSFI às 23h57
    [] [envie esta mensagem]


     
      

    Arcelor Brasil quer ampliar endividamento para crescer

    Francisco Góes
    15/09/2006

    O empréstimo de R$ 719,4 milhões anunciado ontem pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para a expansão da Companhia Siderúrgica de Tubarão (CST) abre uma nova fase na Arcelor Brasil, controladora da siderúrgica capixaba. A holding, que além de CST controla Belgo- Mineira e Vega do Sul, além de Acindar na Argentina, pretende sustentar o seu plano de crescimento no país com uma maior alvancagem financeira.

    Leo Pinheiro/Valor Oliveira, diretor do BNDES: "Financiamento é importante porque aumenta a capacidade de produção de aço no país"

    Os instrumentos a serem utilizados ainda não estão definidos, mas a empresa poderá lançar mão de novos empréstimos com bancos como o BNDES, emitir títulos e fazer operações de pré-pagamentos de exportações. "Estamos preparados para crescer", diz Maurício Lustosa de Castro, diretor de finanças, fusões e aquisições da Arcelor Brasil.

    Castro diz que a alavancagem da Arcelor Brasil em relação ao valor de mercado da empresa é hoje de cerca de 9%. A conta considera um valor de mercado de US$ 11,1 bilhões e uma dívida líquida da ordem de US$ 950 milhões. Nos próximos anos, o endividamento poderá evoluir para um percentual entre 20% a 25%, sempre em relação ao valor de mercado da empresa.

    Castro diz que uma maior alavancagem permite adequar o custo de capital, garantindo um retorno ideal sobre o investimento. Uma empresa como a Arcelor consegue captar recursos a custos competitivos para investir e, em muitos casos, isso é preferível ao invés de usar recursos dos acionistas. Nos últimos anos, o baixo endividamento das empresas da Arcelor foi resultado de uma forte geração de caixa.

    Castro disse que o financiamento aprovado pelo BNDES para a CST terá prazo de pagamento de 11,5 anos. O custo será 90% em reais (TJLP mais 'spread') e 10% com base em uma cesta de moedas. Os recursos do BNDES estão atrelados à construção do terceiro alto-forno da empresa e à expansão da aciária e ao novo lingotamento contínuo de placas da CST. Castro disse que a Arcelor trabalha em outra estrutura de financiamento, sem a participação do BNDES, para o projeto que envolve a construção, em curso, de uma coqueria na CST.

    Wagner Bittencourt de Oliveira, diretor das áreas de insumos básicos e infra-estrutura do BNDES, disse que o financiamento é importante porque aumenta a capacidade de produção de aço no país. Ele afirmou que o empréstimo será concedido dentro da linha de concorrência internacional do banco, criada para garantir ao setor de bens de capital condições de financiamento compatíveis com as empresas estrangeiras.

    A participação do banco equivale a 28% do investimento total na expansão da CST, que é de R$ 2,57 bilhões. "O percentual é inferior ao que o banco normalmente financia para projetos do setor siderúrgico, que alcança a 50% do investimento total", disse Bittencourt. Neste ano, o BNDES deverá desembolsar R$ 2,2 bilhões para os setores de mineração, siderurgia e metalurgia, bem acima dos R$ 583 milhões liberados para estes setores em 2005.

    Maurício de Castro, da Arcelor Brasil, acrescentou que ainda falta negociar com o BNDES um contrato padrão para fechar o empréstimo para a expansão da CST, que irá ampliar a capacidade de produção de aço de 5 milhões para 7,5 milhões de toneladas anuais, a partir do primeiro trimestre de 2007.

    A Arcelor Brasil também fará uma concorrência entre bancos para contratar uma fiança bancária que servirá como garantia ao empréstimo do BNDES.

    A questão das garantias foi um dos fatores que atrasaram o empréstimo do banco de fomento à siderúrgica. As negociações entre a empresa e o BNDES se estenderam ao longo de 2004 até este ano e demoraram porque a Arcelor tinha dificuldades de apresentar garantias reais ao banco. Se apresentasse tais garantias, a medida teria impacto negativo no crédito do grupo medido por agências de classificação de risco. No exterior, a Arcelor tem grau de investimento. Já a CST tem classificação BBB-, de acordo com a Fitch.

    De forma paralela às discussões com o BNDES, a Arcelor estava negociando e fechou, neste ano, a compra do controle da CST, anunciada em 2004 e concluída no ano passado. Este processo teve influência na negociação com o BNDES. Assim, a CST financiou o seu projeto de expansão com fluxo de caixa próprio, o que contribuiu para o baixo endividamento da Arcelor.

    No total, a Arcelor Brasil passará a ter empréstimos de cerca de R$ 1,4 bilhão com o BNDES, incluindo o empréstimo para a CST e outros R$ 730 milhões que já foram contratados por outras empresas do grupo com o banco.



    Escrito por SALSFI às 23h52
    [] [envie esta mensagem]


     
      [ ver mensagens anteriores ]  
     
     
    HISTÓRICO
     11/09/2016 a 17/09/2016
     06/09/2015 a 12/09/2015
     18/01/2015 a 24/01/2015
     09/11/2014 a 15/11/2014
     26/10/2014 a 01/11/2014
     15/06/2014 a 21/06/2014
     06/04/2014 a 12/04/2014
     02/02/2014 a 08/02/2014
     13/10/2013 a 19/10/2013
     12/05/2013 a 18/05/2013
     21/04/2013 a 27/04/2013
     10/03/2013 a 16/03/2013
     10/02/2013 a 16/02/2013
     25/11/2012 a 01/12/2012
     29/07/2012 a 04/08/2012
     22/07/2012 a 28/07/2012
     08/04/2012 a 14/04/2012
     29/01/2012 a 04/02/2012
     11/09/2011 a 17/09/2011
     04/09/2011 a 10/09/2011
     28/08/2011 a 03/09/2011
     24/07/2011 a 30/07/2011
     10/07/2011 a 16/07/2011
     03/07/2011 a 09/07/2011
     29/05/2011 a 04/06/2011
     08/05/2011 a 14/05/2011
     17/04/2011 a 23/04/2011
     03/04/2011 a 09/04/2011
     27/03/2011 a 02/04/2011
     13/03/2011 a 19/03/2011
     06/03/2011 a 12/03/2011
     20/02/2011 a 26/02/2011
     06/02/2011 a 12/02/2011
     19/12/2010 a 25/12/2010
     05/12/2010 a 11/12/2010
     31/10/2010 a 06/11/2010
     12/09/2010 a 18/09/2010
     22/08/2010 a 28/08/2010
     01/08/2010 a 07/08/2010
     04/07/2010 a 10/07/2010
     27/06/2010 a 03/07/2010
     09/05/2010 a 15/05/2010
     02/05/2010 a 08/05/2010
     18/04/2010 a 24/04/2010
     11/04/2010 a 17/04/2010
     04/04/2010 a 10/04/2010
     28/03/2010 a 03/04/2010
     21/03/2010 a 27/03/2010
     14/03/2010 a 20/03/2010
     31/01/2010 a 06/02/2010
     24/01/2010 a 30/01/2010
     22/11/2009 a 28/11/2009
     25/10/2009 a 31/10/2009
     11/10/2009 a 17/10/2009
     06/09/2009 a 12/09/2009
     30/08/2009 a 05/09/2009
     23/08/2009 a 29/08/2009
     16/08/2009 a 22/08/2009
     02/08/2009 a 08/08/2009
     26/07/2009 a 01/08/2009
     07/06/2009 a 13/06/2009
     24/05/2009 a 30/05/2009
     10/05/2009 a 16/05/2009
     03/05/2009 a 09/05/2009
     19/04/2009 a 25/04/2009
     22/03/2009 a 28/03/2009
     15/03/2009 a 21/03/2009
     08/03/2009 a 14/03/2009
     01/03/2009 a 07/03/2009
     22/02/2009 a 28/02/2009
     01/02/2009 a 07/02/2009
     18/01/2009 a 24/01/2009
     11/01/2009 a 17/01/2009
     28/12/2008 a 03/01/2009
     21/12/2008 a 27/12/2008
     14/12/2008 a 20/12/2008
     07/12/2008 a 13/12/2008
     16/11/2008 a 22/11/2008
     09/11/2008 a 15/11/2008
     02/11/2008 a 08/11/2008
     26/10/2008 a 01/11/2008
     19/10/2008 a 25/10/2008
     12/10/2008 a 18/10/2008
     05/10/2008 a 11/10/2008
     28/09/2008 a 04/10/2008
     21/09/2008 a 27/09/2008
     14/09/2008 a 20/09/2008
     07/09/2008 a 13/09/2008
     31/08/2008 a 06/09/2008
     24/08/2008 a 30/08/2008
     17/08/2008 a 23/08/2008
     10/08/2008 a 16/08/2008
     03/08/2008 a 09/08/2008
     20/07/2008 a 26/07/2008
     13/07/2008 a 19/07/2008
     06/07/2008 a 12/07/2008
     22/06/2008 a 28/06/2008
     15/06/2008 a 21/06/2008
     08/06/2008 a 14/06/2008
     01/06/2008 a 07/06/2008
     25/05/2008 a 31/05/2008
     20/04/2008 a 26/04/2008
     13/04/2008 a 19/04/2008
     06/04/2008 a 12/04/2008
     30/03/2008 a 05/04/2008
     23/03/2008 a 29/03/2008
     16/03/2008 a 22/03/2008
     09/03/2008 a 15/03/2008
     02/03/2008 a 08/03/2008
     24/02/2008 a 01/03/2008
     17/02/2008 a 23/02/2008
     03/02/2008 a 09/02/2008
     20/01/2008 a 26/01/2008
     13/01/2008 a 19/01/2008
     06/01/2008 a 12/01/2008
     30/12/2007 a 05/01/2008
     23/12/2007 a 29/12/2007
     09/12/2007 a 15/12/2007
     18/11/2007 a 24/11/2007
     11/11/2007 a 17/11/2007
     04/11/2007 a 10/11/2007
     28/10/2007 a 03/11/2007
     21/10/2007 a 27/10/2007
     14/10/2007 a 20/10/2007
     07/10/2007 a 13/10/2007
     19/08/2007 a 25/08/2007
     12/08/2007 a 18/08/2007
     08/07/2007 a 14/07/2007
     24/06/2007 a 30/06/2007
     10/06/2007 a 16/06/2007
     03/06/2007 a 09/06/2007
     13/05/2007 a 19/05/2007
     06/05/2007 a 12/05/2007
     01/04/2007 a 07/04/2007
     25/03/2007 a 31/03/2007
     25/02/2007 a 03/03/2007
     28/01/2007 a 03/02/2007
     31/12/2006 a 06/01/2007
     17/12/2006 a 23/12/2006
     10/12/2006 a 16/12/2006
     19/11/2006 a 25/11/2006
     12/11/2006 a 18/11/2006
     29/10/2006 a 04/11/2006
     22/10/2006 a 28/10/2006
     15/10/2006 a 21/10/2006
     08/10/2006 a 14/10/2006
     01/10/2006 a 07/10/2006
     24/09/2006 a 30/09/2006
     17/09/2006 a 23/09/2006
     10/09/2006 a 16/09/2006
     03/09/2006 a 09/09/2006
     27/08/2006 a 02/09/2006
     20/08/2006 a 26/08/2006
     13/08/2006 a 19/08/2006
     30/07/2006 a 05/08/2006
     16/07/2006 a 22/07/2006
     25/06/2006 a 01/07/2006
     18/06/2006 a 24/06/2006
     11/06/2006 a 17/06/2006
     04/06/2006 a 10/06/2006
     28/05/2006 a 03/06/2006
     14/05/2006 a 20/05/2006
     07/05/2006 a 13/05/2006
     23/04/2006 a 29/04/2006
     09/04/2006 a 15/04/2006
     02/04/2006 a 08/04/2006
     05/03/2006 a 11/03/2006
     19/02/2006 a 25/02/2006
     12/02/2006 a 18/02/2006
     29/01/2006 a 04/02/2006
     01/01/2006 a 07/01/2006
     25/12/2005 a 31/12/2005
     18/12/2005 a 24/12/2005
     11/12/2005 a 17/12/2005
     27/11/2005 a 03/12/2005
     20/11/2005 a 26/11/2005
     13/11/2005 a 19/11/2005
     06/11/2005 a 12/11/2005
     30/10/2005 a 05/11/2005
     23/10/2005 a 29/10/2005
     11/09/2005 a 17/09/2005
     04/09/2005 a 10/09/2005
     28/08/2005 a 03/09/2005
     21/08/2005 a 27/08/2005
     14/08/2005 a 20/08/2005
     07/08/2005 a 13/08/2005
     31/07/2005 a 06/08/2005
     24/07/2005 a 30/07/2005
     17/07/2005 a 23/07/2005
     10/07/2005 a 16/07/2005
     03/07/2005 a 09/07/2005
     26/06/2005 a 02/07/2005
     19/06/2005 a 25/06/2005
     29/05/2005 a 04/06/2005
     24/04/2005 a 30/04/2005
     20/03/2005 a 26/03/2005
     13/03/2005 a 19/03/2005
     06/03/2005 a 12/03/2005
     06/02/2005 a 12/02/2005
     23/01/2005 a 29/01/2005
     16/01/2005 a 22/01/2005
     19/12/2004 a 25/12/2004
     28/11/2004 a 04/12/2004
     21/11/2004 a 27/11/2004
     14/11/2004 a 20/11/2004
     07/11/2004 a 13/11/2004
     31/10/2004 a 06/11/2004
     17/10/2004 a 23/10/2004
     10/10/2004 a 16/10/2004



    OUTROS SITES
     UOL - O melhor conteúdo
     BOL - E-mail grátis
     ARTIGOS ECONÔMICOS
     CRÔNICAS E ARTIGOS


    VOTAÇÃO
     Dê uma nota para meu blog!