SALSIFI INVESTMENTS
   A AUSTRÁLIA E A VALE

EMPRESA AUSTRALIANA ENTRA FIRME NO PROJETO NÍQUEL

Salvador Sícoli Filho

Uma importante contratação da Vale do Rio Doce sacode o mercado de construção. 

A empresa australiana GRD será a principal empreiteira da CVRD no Projeto Níquel do Vermelho. A GRD já estava associada ào projeto desde novembro de 2002 quando sua subsidiária, a GRD Minproc, foi escolhida para fazer o estudo de viabilidade.

No Brasil a empresa subcontratou a Setal Construções de São Paulo e a Minerconsult de Belo Horizonte. O valor do investimento é ao redor de US$ 1,2 bi. 

 



Escrito por SALSFI às 06h45
[] [envie esta mensagem]


 
   A psicopatologia do presidente

Ainda sobre o psiquismo retrátil-digressivo do presidente, veja o que escreveu em abril de 2005, nosso representante em Buenos Aires, o economista e cientista político Giuseppe Brandoni.

De: Giuseppe Brandoni
Para: cartas@jb.com.br , opiniao@jb.com.br , augusto@jb.com.br
Data: 28/04/05 02:47
Assunto: Um artigo sobre o o comodismo presidencial
Prezado Editor,

Segue um artigo sobre as últimas descomposturas
públicas do nosso Presidente, vítima de Sindrome
Depressiva grave.


Giuse Brandoni


xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

COMODISMO, COVARDIA?! OU INSANIDADE !?

Giuseppe Brandoni – 26/04/05

Refestelado o traseiro opulento no divã presidencial,
o Sr. Inácio em transe nas nuvens das poltronas do
Airbus de US$ 57 milhões, urdia com seu psicanalista
Severino Freud Cavalcanti a digressão que o conduziria ao Olimpo
em terras da África.

Como transmitir à plebe que ficara lá em baixo na
terra de famintos, a explicação para que à
estratosfera fosse conduzida a famigerada taxa de
extorsão dos juros impostos pelos agiotas
institucionalizados em FHC e tornados mártires
santificados em seu atual reinado de bazófias e
metáforas ludopédicas ultrapassando no recorde de
estultícias seu antecessor?

O Sr. Inácio, embriagado pelas alturas, optou pela
fórmula Freud lacaniana da retro digressão. Num acesso
psico depressivo (que meu corretor de texto insiste em
revisar para “penico depressivo”) e envolto na
síndrome da “névrose d´angoisse”, resolveu investir
contra seu próprio criador. O imenso parque de
desvalidos. Estes mesmos que, em desespero suicida,
acreditaram na falácia dos impostores, experientes
guerrilheiros de comprovada covardia, que travestidos
em pujantes bacantes, seduziram os votos dos
ignorantes e da exaurida classe média mal instruída e
carente.

Assim, como um rotundo e medíocre zagueiro varzeano,
meteu a chanca comodista na região nádega glútea obesa
anátema da legião de incautos eleitores espoliados.

O comodismo inapetente do Sr. Inácio é mais que grave,
é patético e uma junta médica poderia lhe comprovar a
inaptidão psíquica. Pelo menos assim se faria justiça
e embasaria a sua flébil e suspeita aposentadoria
precoce. (No que em nada difere do que lhe antecedeu,
por sinal, um requintado e soberbo amante do ócio não
criativo e que igualmente tinha por ofício viagens e
vilegiaturas).

Face à precariedade da nação, é danação precária a
palra tola do infeliz turista de aluguel pago
principalmente pela classe média extenuada. Ao
investir em quem puerilmente lhe investiu em trono
esplêndido, o Sr. Inácio assinou precocemente a sua
sentença de morte política. Deve a população que
labuta e sofre com tamanha desfaçatez, ponderar sobre
a melhor e mais rápida maneira de por fim a essa
gestão de morto-vivo encenada em genuíno suplicy o
para os menos favorecidos. O descalabro deve ser
abreviado, pois é tamanha a voracidade dos terroristas
guerrilheiros que já contratam entidades de pesquisa
para falsear prévias eleitorais, arregimentam
consultores, buscando desde cedo cimentar o torpe
caminho para a reeleição dos despreparados.

A população - que já tirou um colorido e solitário
presidente - deve voltar ás ruas, abraçar o Congresso
de pulhas e assaltantes dos cofres públicos e decretar
o impeachment dos aventureiros que fazem da política,
trampolim para além de extorquir incautos, encher suas
burras com dinheiro subtraído aos exauridos pagadores
de tributos. Quem deu escudo brindando e blindando com
a imunidade ao presidente do Bando Central dos
banqueiros, ungiu ao implicado com a imprevidência,
colocou um veterinário na administração da fazenda,
fez-se de cego, surdo, mudo e omisso com o caso Dirceu
Waldomiro na cachoeira de reles gatunagens, entronizou
recitadores de cartilhas de política monetária aviada
pelos financistas das casas bancárias, pretendeu
sentar-se no colo da ONU, depois de sucatear as nossas
Forças desarmadas pela inépcia de justos exilados, e
assim por diante, não tem sanidade mental para
governar um carrinho de pipoca, quanto mais uma nação.
Os impropérios do Sr. Motorneiro de Armani são a
erudita versão de um exímio e insano tocador de
megafone em porta de fábrica falida.

Atacar a classe média defenestrou um dândi. Um músico
estridente e falastrão cotovelar, há de a própria
buzina espancar o sono.
O avião entrou em zona de turbulência e um castelo nos
sonhos morreu no ar.
Os psicanalistas estão prontos para receber o paciente
em seu exílio.
Que para recompensar a bondade da sua desastrosa
política externa, bem que poderia ser acima da linha,
no Equador.

Giuseppe Brandoni – brandoni@clarinmail.com


Escrito por SALSFI às 18h49
[] [envie esta mensagem]


 
   ARTIGOS ESPECIAIS

 

Agradecemos a José Paulo Kupfer ( ex -Gazeta Mercantil) o envio da FORBES a cada edição melhor graças ao brilhante diretor e jornalista.

Recolhemos do último número o interessante artigo reportagem da Liliana Lavoratti, e que vem em encontro daquilo que ja chamamos a atenção em vários artigos nossos: 

A prestigitação como escada de alpinistas do poder. Como disse: só Freud  ( e Lacan) explica o eleitor brasileiro.

 

 

Quando a mentira ganha status
Eleição de Lula reforçou a crença na função que Lacan chamou de Lei Imaginária do Pai, o Estado paternalista, a autoridade, o Salvador


Escrito por SALSFI às 01h51
[] [envie esta mensagem]


 
  [ ver mensagens anteriores ]  
 
 
HISTÓRICO
 11/09/2016 a 17/09/2016
 06/09/2015 a 12/09/2015
 18/01/2015 a 24/01/2015
 09/11/2014 a 15/11/2014
 26/10/2014 a 01/11/2014
 15/06/2014 a 21/06/2014
 06/04/2014 a 12/04/2014
 02/02/2014 a 08/02/2014
 13/10/2013 a 19/10/2013
 12/05/2013 a 18/05/2013
 21/04/2013 a 27/04/2013
 10/03/2013 a 16/03/2013
 10/02/2013 a 16/02/2013
 25/11/2012 a 01/12/2012
 29/07/2012 a 04/08/2012
 22/07/2012 a 28/07/2012
 08/04/2012 a 14/04/2012
 29/01/2012 a 04/02/2012
 11/09/2011 a 17/09/2011
 04/09/2011 a 10/09/2011
 28/08/2011 a 03/09/2011
 24/07/2011 a 30/07/2011
 10/07/2011 a 16/07/2011
 03/07/2011 a 09/07/2011
 29/05/2011 a 04/06/2011
 08/05/2011 a 14/05/2011
 17/04/2011 a 23/04/2011
 03/04/2011 a 09/04/2011
 27/03/2011 a 02/04/2011
 13/03/2011 a 19/03/2011
 06/03/2011 a 12/03/2011
 20/02/2011 a 26/02/2011
 06/02/2011 a 12/02/2011
 19/12/2010 a 25/12/2010
 05/12/2010 a 11/12/2010
 31/10/2010 a 06/11/2010
 12/09/2010 a 18/09/2010
 22/08/2010 a 28/08/2010
 01/08/2010 a 07/08/2010
 04/07/2010 a 10/07/2010
 27/06/2010 a 03/07/2010
 09/05/2010 a 15/05/2010
 02/05/2010 a 08/05/2010
 18/04/2010 a 24/04/2010
 11/04/2010 a 17/04/2010
 04/04/2010 a 10/04/2010
 28/03/2010 a 03/04/2010
 21/03/2010 a 27/03/2010
 14/03/2010 a 20/03/2010
 31/01/2010 a 06/02/2010
 24/01/2010 a 30/01/2010
 22/11/2009 a 28/11/2009
 25/10/2009 a 31/10/2009
 11/10/2009 a 17/10/2009
 06/09/2009 a 12/09/2009
 30/08/2009 a 05/09/2009
 23/08/2009 a 29/08/2009
 16/08/2009 a 22/08/2009
 02/08/2009 a 08/08/2009
 26/07/2009 a 01/08/2009
 07/06/2009 a 13/06/2009
 24/05/2009 a 30/05/2009
 10/05/2009 a 16/05/2009
 03/05/2009 a 09/05/2009
 19/04/2009 a 25/04/2009
 22/03/2009 a 28/03/2009
 15/03/2009 a 21/03/2009
 08/03/2009 a 14/03/2009
 01/03/2009 a 07/03/2009
 22/02/2009 a 28/02/2009
 01/02/2009 a 07/02/2009
 18/01/2009 a 24/01/2009
 11/01/2009 a 17/01/2009
 28/12/2008 a 03/01/2009
 21/12/2008 a 27/12/2008
 14/12/2008 a 20/12/2008
 07/12/2008 a 13/12/2008
 16/11/2008 a 22/11/2008
 09/11/2008 a 15/11/2008
 02/11/2008 a 08/11/2008
 26/10/2008 a 01/11/2008
 19/10/2008 a 25/10/2008
 12/10/2008 a 18/10/2008
 05/10/2008 a 11/10/2008
 28/09/2008 a 04/10/2008
 21/09/2008 a 27/09/2008
 14/09/2008 a 20/09/2008
 07/09/2008 a 13/09/2008
 31/08/2008 a 06/09/2008
 24/08/2008 a 30/08/2008
 17/08/2008 a 23/08/2008
 10/08/2008 a 16/08/2008
 03/08/2008 a 09/08/2008
 20/07/2008 a 26/07/2008
 13/07/2008 a 19/07/2008
 06/07/2008 a 12/07/2008
 22/06/2008 a 28/06/2008
 15/06/2008 a 21/06/2008
 08/06/2008 a 14/06/2008
 01/06/2008 a 07/06/2008
 25/05/2008 a 31/05/2008
 20/04/2008 a 26/04/2008
 13/04/2008 a 19/04/2008
 06/04/2008 a 12/04/2008
 30/03/2008 a 05/04/2008
 23/03/2008 a 29/03/2008
 16/03/2008 a 22/03/2008
 09/03/2008 a 15/03/2008
 02/03/2008 a 08/03/2008
 24/02/2008 a 01/03/2008
 17/02/2008 a 23/02/2008
 03/02/2008 a 09/02/2008
 20/01/2008 a 26/01/2008
 13/01/2008 a 19/01/2008
 06/01/2008 a 12/01/2008
 30/12/2007 a 05/01/2008
 23/12/2007 a 29/12/2007
 09/12/2007 a 15/12/2007
 18/11/2007 a 24/11/2007
 11/11/2007 a 17/11/2007
 04/11/2007 a 10/11/2007
 28/10/2007 a 03/11/2007
 21/10/2007 a 27/10/2007
 14/10/2007 a 20/10/2007
 07/10/2007 a 13/10/2007
 19/08/2007 a 25/08/2007
 12/08/2007 a 18/08/2007
 08/07/2007 a 14/07/2007
 24/06/2007 a 30/06/2007
 10/06/2007 a 16/06/2007
 03/06/2007 a 09/06/2007
 13/05/2007 a 19/05/2007
 06/05/2007 a 12/05/2007
 01/04/2007 a 07/04/2007
 25/03/2007 a 31/03/2007
 25/02/2007 a 03/03/2007
 28/01/2007 a 03/02/2007
 31/12/2006 a 06/01/2007
 17/12/2006 a 23/12/2006
 10/12/2006 a 16/12/2006
 19/11/2006 a 25/11/2006
 12/11/2006 a 18/11/2006
 29/10/2006 a 04/11/2006
 22/10/2006 a 28/10/2006
 15/10/2006 a 21/10/2006
 08/10/2006 a 14/10/2006
 01/10/2006 a 07/10/2006
 24/09/2006 a 30/09/2006
 17/09/2006 a 23/09/2006
 10/09/2006 a 16/09/2006
 03/09/2006 a 09/09/2006
 27/08/2006 a 02/09/2006
 20/08/2006 a 26/08/2006
 13/08/2006 a 19/08/2006
 30/07/2006 a 05/08/2006
 16/07/2006 a 22/07/2006
 25/06/2006 a 01/07/2006
 18/06/2006 a 24/06/2006
 11/06/2006 a 17/06/2006
 04/06/2006 a 10/06/2006
 28/05/2006 a 03/06/2006
 14/05/2006 a 20/05/2006
 07/05/2006 a 13/05/2006
 23/04/2006 a 29/04/2006
 09/04/2006 a 15/04/2006
 02/04/2006 a 08/04/2006
 05/03/2006 a 11/03/2006
 19/02/2006 a 25/02/2006
 12/02/2006 a 18/02/2006
 29/01/2006 a 04/02/2006
 01/01/2006 a 07/01/2006
 25/12/2005 a 31/12/2005
 18/12/2005 a 24/12/2005
 11/12/2005 a 17/12/2005
 27/11/2005 a 03/12/2005
 20/11/2005 a 26/11/2005
 13/11/2005 a 19/11/2005
 06/11/2005 a 12/11/2005
 30/10/2005 a 05/11/2005
 23/10/2005 a 29/10/2005
 11/09/2005 a 17/09/2005
 04/09/2005 a 10/09/2005
 28/08/2005 a 03/09/2005
 21/08/2005 a 27/08/2005
 14/08/2005 a 20/08/2005
 07/08/2005 a 13/08/2005
 31/07/2005 a 06/08/2005
 24/07/2005 a 30/07/2005
 17/07/2005 a 23/07/2005
 10/07/2005 a 16/07/2005
 03/07/2005 a 09/07/2005
 26/06/2005 a 02/07/2005
 19/06/2005 a 25/06/2005
 29/05/2005 a 04/06/2005
 24/04/2005 a 30/04/2005
 20/03/2005 a 26/03/2005
 13/03/2005 a 19/03/2005
 06/03/2005 a 12/03/2005
 06/02/2005 a 12/02/2005
 23/01/2005 a 29/01/2005
 16/01/2005 a 22/01/2005
 19/12/2004 a 25/12/2004
 28/11/2004 a 04/12/2004
 21/11/2004 a 27/11/2004
 14/11/2004 a 20/11/2004
 07/11/2004 a 13/11/2004
 31/10/2004 a 06/11/2004
 17/10/2004 a 23/10/2004
 10/10/2004 a 16/10/2004



OUTROS SITES
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis
 ARTIGOS ECONÔMICOS
 CRÔNICAS E ARTIGOS


VOTAÇÃO
 Dê uma nota para meu blog!